Placar Socioambiental - Tis período de 2017, desde 02/01/2017. Fonte: Diário Oficial da União (DOU); Ucs período de 2017, desde 02/01/2017

Identificadas
6
Identificadas as TIs Pindoty/Araçá-mirim, do povo Guarani Mbya (SP), com 1.030 hectares; Tekoha Jevy, dos povos Guarani Mbya e Guarani Ñandeva (RJ), com 2.370 hectares; Guaviraty, com 1.248 hectares, Tapy’i (Rio Branquinho), com 1.154 hectares, e Ka’agy Hovy, com 1.950 hectares, todas do povo Guarani Mbya; e Pipipã, do povo Pipipã, com 63.222 hectares.
Declaradas
0
 
Homologadas
0
 
Dados monitorados pelo ISA referentes a 2017, desde 02/01/2017. Fonte: Diário Oficial da União (DOU).
Alterações de limites
4
Na Amazônia houve alteração no Parna do Jamanxim, uma desafetação de 862 hectares em seu interior para destinação ao leito e faixas de domínio da EF 170 e da BR 163. Foram ampliados o Parque Nacional Chapada dos Veadeiros (GO) para 240.611 hectares, a Estação Ecológica do Taim (RS) para 32.797 hectares e a Reserva Biológica Uniao (RJ) para 7.756 hectares.
Criadas
2
Na Amazônia foi criado o Parque Nacional Campos Ferruginosos (PA) com 79.029 hectares, com incidência de 60.905 hectares em área antes pertencente à FLONA Carajás. Criada a Floresta Estadual provisória do Afluente do Complexo do Seringal Jurupari (AC) protegida por até cinco anos renováveis.
Revogadas
0
 
Novos conselhos
4
Na Amazônia, criado o conselho gestor do Parna do Jamanxim e da APA Jalapão, modificado os conselhos da Resex Marinha do Maracanã, do Lago do Cuniã e de Cururupu, do Parna Mapinguari e dos Campos Amazônicos e Estaçaõ Ecológica do Cuniã e aprovado o regimento interno do conselho do Parque Estadual Sumaúma, da RDS Amanã, da APA da Ilha do Combu e da RVS Metrópole da Amazônia. Modificado o conselho gestor da Floresta Estadual do Amapá, das Resex Arioca-Pruanã e Marinha de Soure. Fora da Amazônia: Criado o conselho consultivo da RVS de Una , na Bahia e do PARNA Serra do Gandarela (MG). Modificado o conselho gestor da APA Carste de Lagoa Santa (MG), FLONA Passa Quatro RESEX do Mandira, da REBIO de Una e dos PARNA Ilha Grande e Araucárias.
Planos de Manejo
13
Fora da Amazônia foram aprovados os planos de manejo da Reserva Biológica de Pedra Talhada, Floresta Nacional de Ipanema (SP), da Restinga de Cabedelo, Esecs Tupinambás e de Murici e RVS Arquipélago de Alcatrazes. E alterados os planos de manejo da APA da Barra do Rio Mamanguape, ARIE Manguezais da Foz do Rio Mamanguape e Parna Serra dos Órgãos. Dentro da Amazônia foram aprovados os planos de manejo das Resex Rio Cautário e Rio Preto-Jacundá, da Esec de Samuel, dos PES de Guajará-Mirim e de Corumbiara e do Parna de Anavilhanas. Alterado o plano de manejo da Serra da Bocaina. E aprovado os planos de gestão da RDS do Rio Negro e da Resex Alto Tarauacá.
Acordos de Gestão
1
Aprovado o acordo de gestão da Resex Alto Tarauaca.
Dados monitorados pelo ISA referentes a 2017, desde 02/01/2017. O monitoramento é realizado através de pesquisa cotidiana no diário oficial da união e nos diários oficiais de todos os estados da Amazônia Legal (AC, AM, AP, MA, MT, PA, RO, RR, TO). Mais detalhes aqui.
Aprovado o acordo de gestão da Resex Alto Tarauaca.